Portugal vence no primeiro duelo



Portugal e Itália entraram em campo para o primeiro de dois jogos amigáveis agendados para esta semana em Oliveira de Azeméis.

Antes do Inicio da partida houve tempo para homenagear algumas das internacionais. Jenny completava as 25 internacionalizações, Carla Vanessa as 50 e a capitã Ana Azevedo recebia pelo bonito número de 75 jogos com o símbolo das Quinas ao peito.

Luís Conceição lançava Ana Catarina, Carla Vanessa, Cátia Morgado, Ana Azevedo e Pisko, enquanto Marika Mascia, Bruna Borges, Ersilia D’Incecco, Federica Belli e Nicoletta Mansueto começaram de início nas escolhas de Francesca Salvatore.

Portugal começou a todo o gás e criou uma primeira parte quase de sentido único. Ana Catarina teve apenas de se aplicar mais numa intervenção e viu já no final desse primeiro tempo Renatinha a acertar no poste da sua baliza, mas foram essas as únicas oportunidades italianas, em contraste com Portugal que desde o primeiro minuto que colocou Mascia à prova, ela que aos 2 minutos foi obrigada a uma dupla intervenção para impedir o golo da seleção portuguesa.

Não entrou aos 2, entrou aos 4. Jogada rápida do ataque luso com Cátia Morgado que aos 2 minutos tinha permitido a defesa a Mascia a não facilitar desta vez e em zona frontal a rematar forte para o 1-0.

A Itália pouco oferecia ao jogo que foi até muito rápido, sem grandes paragens e com a bola sempre a rolar. Mas foi numa bola bombeada para a área que aos 15 minutos Débora Lavrador fez o 2-0. Uma das estreantes do conjunto luso teve assim uma estreia de sonho com um cabeceamento certeiro que levava Portugal com uma vantagem mais confortável para o intervalo.

Para a segunda parte houve troca na baliza lusa com Luís Conceição a lançar Diana Monteiro para a sua estreia como internacional portuguesa. Já do lado de Itália, apesar de estarem 3 guarda-redes convocadas, manteve-se Mascia na baliza por todo o encontro.

A Itália vinha determinada em reduzir no marcador, e chegou a ter alguns momentos de jogo onde conseguiu criar mais do que a seleção portuguesa mas, essas oportunidades acabaram sempre ou com remates para fora ou com remates para as mãos de Diana Monteiro que, mesmo não tendo que se aplicar muito em nenhum desses lances, se mostrou sempre muito segura e sem o nervosismo habitual dum primeiro jogo.

E numa altura onde era mesmo a Itália quem mais atacava, mesmo que com pouco critério, eis que Portugal faz o 3-0. Contra-ataque da equipa lusa com Cátia Morgado a aguardar um pouco na tomada de decisão e a servir depois Carla Vanessa que só com Mascia pela frente picou sobre a guarda-redes italiana com a bola a parar apenas na baliza italiana.

A Itália não esboçou qualquer reação e manteve o seu jogo, ainda que tenha até perdido algum fogo com este 3º golo, mas Salvatore nunca apostou no 5x4, apesar de arriscar um pouco mais subindo as suas linhas, algo que Fifó aproveitou aos 28 minutos. Um contra-ataque da jovem lusa que não tremeu frente a Mascia e fez o 4-0 final.

Uma exibição muito interessante da equipa portuguesa, em contraste com a seleção italiana de quem se esperava um pouco mais. Amanhã ás 20:30 h as duas seleções voltam a encontrar-se neste mesmo pavilhão para o segundo encontro deste estágio em Oliveira de Azeméis.



Vídeos
Os melhores golos da Jornada 13 da Liga Placard, tem o apoio de IMVISO e Decatlhon Portugal
Hungria bate Rússia no 2º encontro entre as duas seleções | Vídeo
Portugal vence França por 4-3 | Resumo
Itália vence as duas partida de preparação diante da Eslovénia | Vídeo
Portugal bateu a França por 2-1 | Resumo
Espanha vence Japão por 9-1 | Vídeo
Um bronze que mudou o Futsal em Portugal | 19 anos depois
Os melhores golos da Jornada 12, com o apoio de IMVISO
Autocarro avaria e Magnus pega boleia de camião para o treino | Vídeo
Manuel Mesquita eleito com o melhor golo da Jornada 11
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial