Nuno Dias "O que nós queremos é vitórias, a vitória é nossa."



- Nuno Dias (Treinador do Sporting): “Não tenho problemas em elogiar individualmente, o Erick fez um grande jogo. Houve jogadores que estiveram muito bem. Jogando muito ou pouco, cada um sabe qual é o seu papel, jogando cinco ou 25 minutos, independentemente do número e golos que faz.

Essa é uma das grandes armas e características deste Sporting. O que nós queremos é vitórias, a vitória é nossa. Não é do Erick, nem do Bernardo, nem do Guitta, é do Sporting. Todos fizeram um grande trabalho e estão todos de parabéns.

Quando digo todos, o Benfica esteve muito bem, fez um grande jogo, fizeram algo extraordinário. A seis ou sete minutos do fim, a perder por dois de diferença, levaram o jogo para prolongamento contra uma grande equipa do Sporting, que defende bem.

Conseguiu anular desvantagens, o mérito é do Benfica. O golo do Arthur que é um grande pontapé, o Chishkala faz um golo indefensável para o Guitta. Obrigaram-nos a não conseguir jogar, empurraram-nos para zonas que não gostamos de estar. A equipa de arbitragem fez um grande jogo também. Três grandes equipas, público excelente, o futsal está de parabéns.

A quinta Supertaça consecutiva é algo só ao alcance dos melhores, é um palco em que tudo se decide num jogo, normalmente dérbis, conseguir ano após ano, troféu após troféu, continuar a somar, o comentário que merece é que é absolutamente brilhante o que esta equipa anda a fazer ao longo dos anos.

Tenho mais dois anos de contrato, não faço questão de sair, gosto de estar, tenho os jogadores com quem gosto de trabalhar, uma equipa técnica extraordinária, um clube que gosta de mim e eu do clube, reconhecem o trabalho que esta equipa técnica faz, reconhecem que é diferente. Não vamos ganhar sempre, felizmente temos ganhado, mas não há equipas invencíveis.

Não tenho ambição de ser selecionador. Gosto de ganhar competições, gosto tanto de ganhar e não estou a dizer que a seleção não ganha, mas aqui temos cinco competições por ano para ganhar. Adoro o treino, a competição semanal e preparar os jogos. Isso não é possível numa seleção. A seleção nacional está muito bem entregue, os resultados falam por si”.


Vídeos
Os melhores da jornada 7 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 6 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 5 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 4 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 3 da Liga Placard Futsal
Os melhores golos da Jornada 2 da Liga Placard Futsal
Os melhores golos da Jornada 1 da Liga Placard
Ricardinho em entrevista ao Goucha, na TVI
Pato: "Fizemos coisas boas, importantes, mas ainda temos de melhorar"
Nuno Dias: "Está tudo ainda muito precoce"
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade