Benfica entra em falso, com um empate na Ronda de Elite.



O Benfica fragilizou hoje a candidatura a um lugar nas meias-finais da Liga dos Campeões de futsal, ao empatar 3-3 com os checos do Chrudim, na estreia do Grupo C da Ronda de Elite, em Almaty, no Cazaquistão.

Num jogo com várias alternâncias no marcador, o líder da liga portuguesa chegou ao intervalo a vencer por 1-0, mas o campeão da República Checa deu a volta (2-1), antes de o Benfica reagir e voltar a colocar-se em vantagem (3-2) e de o Chrudim fixar a igualdade derradeira.

O Benfica, campeão europeu em 2010, não conseguiu confirmar o favoritismo na primeira jornada da Ronda de Elite (na qual se apura apenas o primeiro classificado de cada grupo) e poderá ver-se em dificuldades para se apurar para as meias-finais da competição.

O vice-campeão português defronta na sexta-feira os malteses do Luxol St. Andrews e no domingo os cazaques do Kairat, anfitriões do Grupo C e vencedores da prova em 2013 e 2015, equipas que hoje se defrontam, a partir das 15:00 (hora de Lisboa).

O Benfica demorou 12 minutos para quebrar a resistência do Chrudim, altura em que o pivô brasileiro Rocha inaugurou o marcador, depois de ganhar em força à defesa adversária e rematar fora do alcance do guarda-redes Dudu.

A equipa lisboeta controlou o jogo até ao intervalo, mas a vantagem mínima comporta riscos que o Benfica ficou a conhecer quando os checos empataram no início da segunda parte, aos 23 minutos, por intermédio de David Drozd, na recarga a um remate de Everton defendido por André Sousa.

O guarda-redes benfiquista voltou a não conseguir evitar o golo do Chrudim aos 29 minutos, marcado pelo brasileiro Max, na conclusão de um contra-ataque rápido, mas o Benfica igualou pouco depois, aos 33, de novo por Rocha, com um desvio no interior da área, após uma assistência preciosa do ala Silvestre Ferreira.

O vice-campeão português voltou a adiantar-se pouco depois, aos 35 minutos, quando Lúcio Rocha aproveitou um ressalto nas proximidades da área adversária, antes de o Chrudim aproveitar o facto de jogar com um guarda-redes avançado para voltar a empatar, aos 38, de novo por David Drozd.



Vídeos
Os melhores golos da Jornada 14 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 13 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 12 da Liga Plarcard de Futsal
Os melhores golos da Jornada 11 da Liga Placard de Futsal
Os melhores golos da Jornada 10 da Liga Placard de Futsal
Os melhores golos da Jornada 9 da Liga Placard
Os melhores da jornada 7 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 6 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 5 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 4 da Liga Placard
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade